A quantidade de dados que os executivos dos setores aeroepacial e de defesa têm que consultar e analisar no seu dia a dia é tão grande que estava inviabilizando seu trabalho. Segundo estudo divulgado pela Accenture, empresa global de Consultoria de Gestão, Tecnologia da Informação e Outsourcing. 74%  desses profissionais declararam estar sobrecarregados de informações e sem ferramentas adequadas para utilizá-las de forma mais eficiente.

A solução tecnológica encontra para isso está numa das ferramentas da Indústria 4.0. É o que chamamos de gêmeos digitais, uma representação do objeto físico, uma aeronave, por exemplo, onde são realizados testes e simulações na busca de mais eficiência no desenvolvimento de produtos, e de fios digitais, uma extensão do gêmeo digital no ciclo de vida de um produto, do conceito ao design, engenharia, cadeia de suprimentos, manufatura e pós-venda, que conecta dados da vida real ao mundo virtual e realiza análises para desenvolver melhores produtos e serviços.

O uso dessas tecnologias inovadoras, além de estarem ajudando os profissionais do setor, tem conseguido excelentes resultados pois agilizam os fluxos de dados e aumentarm a produtividade e a confiabilidade da fabricação. “O uso crescente e complementar de fios digitais e gêmeos digitais na indústria aeroespacial e de defesa está tornando mais eficiente a busca das empresas pela veracidade de dados e para realizar as necessárias transformações digitais corporativas”, disse John Schmidt, diretor administrativo da Aerospace and Defense da Accenture.

A pesquisa identificou ainda que aproximadamente 86% das empresas do setor aeroespacial e de defesa estão programando a integração do Blockchain aos seus sistemas corporativos dentro de três anos. “Essas tecnologias estão ajudando as empresas a aproveitar os dados para gerar insights mais valiosos, melhorar a tomada de decisões e reduzir os custos de fabricação”, completou.

Fonte: http://tiinside.com.br/

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here