O New Mobility, evento que debate o futuro da mobilidade, ganhará mais duas edições programadas para acontecer durante a 22ª Fenatran, entre os dias 14 a 18 de outubro, e no Salão do Automóvel 2020. O jornal O Estado de São Paulo é o parceiro oficial de divulgação, coorganizador e curador de conteúdo.

O projeto contará pelo segundo ano consecutivo com patrocínio da líder mundial na produção e fornecimento de produtos de nióbio, a CBMM (Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração) e da Mobileye, subsidiária Intel, líder global no desenvolvimento de tecnologia ADAS (Advanced Driver Assistance Systems) e direção autônoma.

Lançado no Salão do Automóvel do ano passado, a Arena New Mobility contou com 32 palestras – automóveis elétricos e híbridos, automóveis conectados e autônomos, Smart Cities e serviços de compartilhamento foram alguns dos temas discutidos no inédito espaço ao lado dos expositores que foi dedicado ao tema.

Entre os assuntos algumas apresentações dos principais players da indústria, personalidades, celebridades, jornalistas e especialistas sobre cultura do compartilhamento, cidades inteligentes e startups do mundo automotivo. 

“A indústria automotiva global está passando por uma transformação que acabou culminando em novos rumos para a mobilidade. A sociedade acaba demandando sobre Cidades Inteligentes, Internet das Coisas e Cultura do Compartilhamento, além dos veículos elétricos, híbridos e autônomos”, analisou Leandro Lara, diretor do evento.

Para depois completar: “O reflexo disso é que as empresas estão observando as tendências da indústria automotiva e se preparando para manterem-se competitivas. Tudo isso será debatido e poderá ser acompanhado de perto por todos os visitantes da próxima edição da Fenatran. 

“O alvo dessa discussão será O Novo Mundo da Mobilidade em Transporte e Logística. As principais empresas e suas estratégias serão confrontadas na Arena com o objetivo de encontrarmos as melhores soluções, tendo sempre as pessoas como protagonistas, nosso maior ativo”, explica José Alves, diretor da Unidade de Negócios Mobilidade do Grupo Estado.

As sessões serão divididas em debates, entrevistas, talk-shows, stand-ups e demonstrações de tecnologia. A CBMM (Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração) também participa do projeto. Esta ação está alinhada diretamente aos objetivos da companhia brasileira de investir em aplicações dos produtos de nióbio na cadeia produtiva automotiva. 

“A segurança automotiva é uma das metas do desenvolvimento de tecnologias do nióbio e a CBMM tem trabalhado em parceria com as montadoras e fabricantes de componentes automotivos em busca de soluções envolvendo aços de alta resistência a serem aplicadas na estrutura de automóveis”, comenta Rodrigo Amado, Head of Mobility da Companhia.

A Mobileye também contribui para o projeto e apresenta as soluções mais recentes em ADAS, mapeamento e mobilidade inteligente. “A Mobileye leva ainda mais longe a tecnologia de segurança viária com um sistema de prevenção de colisão de pós-venda que melhorou os recursos do ADAS, a conectividade e os insights de dados acionáveis. Ao se conectarem à nuvem, os veículos se tornam agentes inteligentes, coletando dados relevantes da estrada enquanto viajam, enviando dados necessários para tomar as decisões mais bem informados, em tempo real”, afirma Ernesto Pesochinsky, Diretor LATAM da empresa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here